Show Data
Quarteto de Cordas de Matosinhos | Jun 2020
Quarteto de Cordas de Matosinhos | Jun 2020
Enlarge
  • M/6
  • A Casa da Música viu-se obrigada a cancelar o presente concerto como medida para evitar o contágio de COVID-19, seguindo as orientações das Autoridades de Saúde Pública.


    Lamentando muito, a Casa da Música disponibiliza-se para anular os bilhetes emitidos e restituir os montantes pagos.


    Caso a sua compra tenha sido realizada no site www.casadamusica.com, o montante relativo ao bilhete do concerto será devolvido através do mesmo método de pagamento. Para as compras efectuadas na bilheteira da Casa da Música, a devolução será efectuada através de transferência bancária. Para tal, deverá enviar um email para info@casadamusica.com com uma cópia do(s) seu(s) bilhete(s) e detalhes da sua conta bancária: Nome do titular da conta e IBAN.


    Caso necessite de mais algum esclarecimento, agradecemos o contacto através do email info@casadamusica.com ou através dos telefones 932000533 ou 932007434.

     


     

    Considerada a suprema expressão artística na música de câmara, o quarteto de cordas foi explorado por diversos compositores ao longo da história, que nele viram uma enorme paleta de recursos expressivos. Numa carta que escreveu à sua esposa Annecy, Gabriel Fauré revela estar a compor um quarteto de cordas sem piano, “um género que Beethoven celebrizou e do qual todos aqueles que não são Beethoven morrem de medo”. Este é o único quarteto de cordas da pena do influente compositor francês, escrito no fim da vida e muitas vezes colocado a par dos quartetos de Debussy e Ravel enquanto referências da música de câmara francesa pós-romântica. E é precisamente o “temido” Beethoven que dá o mote para este recital. O Quarteto nº 10 inclui momentos associados às investidas napoleónicas e à morte de Haydn, dois acontecimentos de grande impacto na cidade de Viena em 1809.

    Ludwig van Beethoven Quarteto de cordas nº 10 em Mi bemol maior, op.74

    Gabriel Fauré Quarteto de cordas em Mi menor, op.121


    Apoio:

     Matosinhos